Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

sardinhaSemlata

Um espaço de pensamento livre.

sardinhaSemlata

Um espaço de pensamento livre.

25.07.20

Caldeirada com Todos... “Petra Star”


sardinhaSemlata

Caldeirada Com Todos

 

Bom dia pedaços de cosmos, sei que a vida está dando uma de safada para vocês, com este vírus do demo que nos faz andar de cara tapada e corações pesados, mas temos que ter fé no divino que as coisas vão melhorar e não deixar a amargura corroer nossa alma.

Vamos ver o que as cartas do Tarot reservam para si meu anjo? Não se esqueça que a carta é apenas uma guia espiritual, não venha depois culpar a sua amiga Petra Star se tiver feito besteira na sua vida.

 

Aquário

10 of Wands

9014D3F3-5732-41FA-92B5-2CA89B6B8466.jpeg

Você estava doidinha para lhes dar não era menina? Ficou esse tempo todo na quarentena se esfregando, passando água fria nas partes íntimas, tendo sonhos eróticos até com o vizinho octagenário que passa o dia a cortar as unhas dos pés na varanda ao pé da sua, e agora que finalmente liberaram sua saída você soltou a fera. Seu Tinder ficou assado de tanto deslizamento e agora você tem mais piroca do que aquela que consegue agarrar. Um conselho de sua amiga Petra, escolha a que tiver melhor relação comprimento/largura/tempo de semi-vida e fique com ela.

 

Peixes

The World

623C95A8-EE7A-49DD-9C92-553FC344705E.jpeg

Sabe aquele talento escondido que você nunca revelou para ninguém por vergonha? Aquela habilidade que achou que era boba mas que secretamente sempre pensou que a iria levar à fama e glória? Menina, a carta não mente, você está desperdiçando uma oportunidade de ser a rainha do mundo, qual Beyoncé ou Rihanna, por isso deixa de medos e se joga. Seja abrir garrafa de cerveja com os dedos dos pés, declamar poesia em latim ou conseguir fugir do seu cachorro quando ele está com o cio, o povão está à espera de você. Agora para dar certo tem é de o fazer pelada tá?

 

Áries

Temperance

FEA977A9-28BC-4664-9B5F-A8DCD850E103.jpeg

Paciência minha querida, paciência é a palavra de ordem para esta semana. Vai haver momentos em que você vai querer mandar tudo para a puta que o pariu, mas tem que respirar fundo, alinhar os chakras e avançar em frente. As suas capacidades de gestão de conflitos vão ser postas à prova, especialmente se você estiver a coordenar uma equipa ou tiver aberto as pernas e ter deitado pro mundo meia dúzia de crianças. Não mostre suas preferências, tente tratar todos com igualdade, equilibre a balança do seu tempo e troque a água por uma dose generosa de cachaça. Vai precisar!

 

Touro

Justice

D7A7EE86-8BC3-4402-BA83-CE0C3ACE8D36.jpeg

Sabe aquele ditado que diz que a justiça é cega meu bem? O problema é que o resto das pessoas não é, e agora você vai perceber o quanto a justiça pode doer. Passou o tempo todo em casa a comer coxinha e pão de queijo? Utilizou a desculpa que a academia estava fechada para não malhar e ficar deitada a ver aquele filme quase porno do Netflix? Pensou que acender uma vela para Santo Tadeu ia fazer miraculosamente desaparecer aquela gordurinha acumulada? Pois bem, agora que você quer usar aquela cueca cavada na praia, vai perceber o peso da justiça alheia sua flácida. Mas não se esqueça, o importante é a gente se amar do jeito que a gente é, e abusar do Photoshop quando publicar no Insta.

 

Gémeos

Two of Swords

0F0486D2-6A48-42E0-887E-98FC4A9F0B5E.jpeg

Gémeos por natureza já é assim meio que bipolar, um dia quer ficar, outro dia quer ir, um dia quer fazer dieta vegana super respeitadora da Natureza, outro dia está fazendo amor com um frango do churrasco, fica difícil perceber este signo. E esta semana ainda vai ser mais difícil para a gemiana, porque vai ter que tomar uma decisão entre dois mundos completamente diferentes sem saber todas as variáveis. Vai ser um pouco de salto de fé minha querida, mas lembre-se que você não é gato para aterrar em pé, por isso cuidado para não dar com a cara no chão.

 

Câncer

Nine of Cups

8BF6B486-C21C-4A97-A3AB-E61BB2D91B53.jpeg

Esta carta mostra que você está passando por um período de abundância, tenha sido seu subsídio de férias que chegou, uma grana extra que seu Only Fans rendeu ou uma nota que encontrou naquele jean que não usa desde o Verão passado. Agora tem que ser contida, não estourar tudo e investir no que realmente precisa, resistindo à tentação de comprar online coisa que você nunca vai usar só porque está em promoção e dá para parcelar em 48 vezes. Compre um miminho para si mas o resto guarde porque o Corona ainda agora começou meu bem.

 

Leão

Seven of Pentacles

AAD48E66-4A4C-4737-A142-9DE69137F584.jpeg

Se você pode tirar férias esta semana tira minha querida e corre bem depressa para longe de tudo e todos, porque os próximos dias é mesmo de fazer você pirar. Você vai ser uma verdadeira tapa-buracos, tentando remediar toda a besteira que os outros andam fazendo, para depois vir uma rabanada de vento e voltar a deixar sua vida cheia de merda. Vai ser difícil, vai ser complicado, vai levar você ao limite, mas o importante é você deitar cá para fora essas emoções, não varrer tudo para debaixo do tapete e perceber que mesmo que seja com uma faca de manteiga esfaquear aquele colega de trabalho é crime.

 

Virgem

Five of Wands

2FBCD7D0-0A6D-4137-A393-1D538A8B52A7.jpeg

Sabe aquele projecto que você está louca por levar para a frente? Odeio ser portadora de más notícias mas do jeito que está agora você não vai conseguir. Ou por você não ter as competências necessárias – afinal como você quer ser guia turística de estrangeiro se nem português sabe falar correctamente? – ou por estar a associar-se a pessoas que não compreendem sua visão. Não se deixe enganar pelo coração, pelas amizades ou por aquele sorriso gostoso que deixa você toda suada lá em baixo. Se quer andar para a frente vai ter que perceber verdadeiramente o rumo a seguir.

 

Libra

Knight of Swords

B60A3F2D-2AF1-495A-9EB1-CC7A779E5F80.jpeg

PARA! Você esta semana tem que parar para perceber que está completamente toldada por suas emoções que não a deixam ver direito o caminho que está a levar. Aquela fúria de chegar, ver e vencer estão fazendo você parecer um cavalo a fugir do Ébola, derrubando paredes mas sem tempo para ver que existem portas e janelas por onde podia passar sem se machucar. Respira, medita, entra em contacto com seu corpo e percebe qual a dimensão de sua jornada. Viver é como atingir orgasmos, não interessa chegar depressa nos 100 metros, mas sim aguentar na maratona.

 

Escorpião

The High Priestess

BC18033A-22AA-4532-BB62-7724CC9D0AC5.jpeg

Você está com o poder todo em suas mãos menina. Todo aquele desenvolvimento pessoal, aquele podcast motivacional, todo dinheiro que gastou em livro de auto-ajuda finalmente deu fruto. Esta semana você está no topo do mundo, de olhos bem abertos, com o conhecimento todo. Se tentarem vir com esquema de pirâmide você vai dizer que não. Se seu Chef pedir hora extra sem ser paga você vai ameaçar com sindicato. Se homem vier com cantada você vai pedir primeiro foto da piroca para decidir se vale a pena. Esta semana é sua, por isso sai de casa e arrasa!

 

Sagitário

Four of Cups

D2BE41DB-74F4-444D-8DFD-A49466DC86A5.jpeg

Muita atenção com aquele amigo que parece estar a querer ajudar porque ele é pior que cobra, está já com a cauda no ar a fazer barulho de guizo e pronto para te morder, e olha que não vai virar meme por isso você só vai ficar a perder. Já reparou que ele está sempre lá, dando uma força para você, vindo sempre em seu auxílio com conselhos sábios? FALSIANE meu bem, cuidado que ele está tocando na flauta e você qual rata tonta está indo atrás, e quando der por ela está ferrada numa ratoeira e ele a comer seu queijo Brie. Dá para trás enquanto é tempo ok?

 

Capricórnio

Four of Swords

6E3AD898-CB1B-4839-BB9D-B8AAFAD3A29E.jpeg

Problemas não são como urso pardo minha querida, por isso fingir de morta e rezar não resolve nada. Quando abrir os olhos eles vão continuar a lá estar e você apenas se vai arrepender de não os ter enfrentado mais cedo. É a mesma coisa que você quando vai transar ficar parada qual placa de cimento, acaba fodida mas mais parece que foi atropelada por um camião. Tem que ter empenho, tomar decisões e levantar esse corpo da cama e fazer-se à vida. Lava essa cara com água fria, bebe um café bem cheio e não deixa a vida levar a melhor!

 

 

Petra Star

24.07.20

Um feijão no universo


JB

C664FED2-FA7E-46C6-8BBF-DC385A6AFA71.jpeg

 

 

Estranha espécie a nossa. 

Não há nenhuma como nós. Quando cresci, aprendi que  o ser humano era diferente dos outros por ser racional. Éramos o famoso 'animal racional' em oposição aos outros 'animais irracionais'. Fazia sentido, quando tinha 5 anos. Depois explicaram-me que éramos diferentes porque tínhamos alma. Fomos feitos à imagem de Deus e os outros animais não. Era isso que nos distinguia. Fazia sentido, quando tinha 15 anos e achava que era o centro do universo. Que era tão especial e único que obviamente tinha sido feito à imagem de Deus. Pararam de me dar explicações. 
  Fui crescendo, observando e interrogando. Não encontrava melhor explicação para a nossa originalidade humana. Ainda assim, a última que me tinham dado parecia cada vez mais incompleta e errada. Eu não era o centro do Universo, nem sequer o meu planeta era o centro do Universo.   Existiam mais universos e uma imensidão de galáxias e planetas à volta. Dei por mim a pensar se tudo isto teria sido feito por nossa causa, uma sub-espécie de primatas num minúsculo planeta numa das galáxias. Será que toda esta imensidão do universo teria sido feita por causa dos humanos? Espécie criada por Deus e à sua imagem, ou se, por outro lado, não teria sido precisamente ao contrário. Uma sub-espécie de primatas, movida por medo e ignorância, que criou um Deus à sua própria imagem? No caso dos humanos nem criámos um, creio que são cerca de 3000 deuses, mas todos à 'nossa' imagem. E isso nota-se.

   Cada vez mais e até hoje estou convencido que foi a segunda. Os humanos criaram Deus(es).

 Voltei ao problema inicial. Porque somos tão especiais então? Porque somos tão diferentes de todos os outros. Temos mais de 99%  de semelhança no ADN com algumas espécies de chimpanzés e somos tão diferentes, como?

 Fácil. Pela fala.

 Somos a única espécie que usa palavras. Que usa significantes. Isso provoca efeitos, logo no bebé que ainda está na barriga da mãe e já começa a ouvir palavras, o seu cérebro vai assimilar e incorporar lentamente essas palavras, que lhe irão permitir aprender conceitos e eventualmente, quando fôr crescido passar a outros. Para lidar com essas palavras (significantes) o cérebro cria uma consciência, um conjunto de palavras soltas que começam a funcionar de forma quase independente e autónoma. Esse bebé, a certa altura vai ver-se ao espelho. Vai perceber que tem um corpo, que tem os seus limites e que é um ser autónomo, que o seu corpo e os seus significantes constituem uma entidade com identidade própria. Isso vai dar-lhe um sentido e uma noção de importância que mais nenhum animal de mais nenhuma espécie possui, e provavelmente é injustificado.

  Actualmente é esta a minha teoria, se houver melhor mudo outra vez. Somos um primata, como outro qualquer. A certa altura, na nossa evolução caótica, algum antepassado nosso lembrou-se de atribuir sons a coisas e conceitos e inventou as palavras. Os outros gostaram e passaram a palavra ('pun intended'). Esse é o 'culpado' de sermos considerados racionais (apenas por nós próprios). Foi uma série de acasos e caos que nos trouxe até aqui e assim continuaremos se não nos auto destruirmos antes.

Tudo isto dará origem a muitas coisas e é uma forma muito simples de abordar um assunto muito complexo e interessante. Para quem gosta do tema recomendo autores como Saussure, Freud e Lacan. Quem não aprecia, recomendo que fuja a sete pés destes autores. E pode fazer sempre como aquela mãe recém divorciada, a quem os filhos interpelam depois do fim de semana com o pai:

 - Ò mãe ò mãe, o pai diz que nós descendemos dos macacos!

  - Filhos, uma coisa é a família do lado do vosso pai, outra coisa é do meu lado.

 

Bom fim de semana

 

JB

 

* fotografia tirada do Twitter do Presidente dos Estados Unidos. Não consigo deixar de partilhar apesar de aparentemente não ter muito a ver com o tema do post; ou talvez até tenha. 

 

 

 

  

23.07.20

Vacinação contra a Gripe na Farmácia: Uma questão de Saúde Pública


Triptofano!

A gripe é uma das principais causas para um número excessivo de mortes na época do Inverno e para um aumento do número de admissões hospitalares, levando a um grande impacto económico tanto directo (custos no tratamento da doença) como indirecto (custos relacionados com o absentismo laboral).

Por isso, a vacinação contra a gripe é uma questão de Saúde Pública, sendo cada vez mais importante atingir o maior número de pessoas possíveis, especialmente aquelas que por diversos factores encontram-se mais fragilizados.

Se tradicionalmente Médicos e Enfermeiros eram os Profissionais de Saúde responsáveis pela vacinação da população, a possibilidade de os Farmacêuticos - mediante formação específica para tal - poderem prestar esse serviço nas farmácias veio ajudar a atingir os targets anuais de imunização.

Isto deve-se ao facto de existir uma rede de farmácias espalhada por todo o país com profissionais altamente qualificados - os Farmacêuticos - permitindo um acesso mais facilitado aos Cuidados de Saúde, tanto em termos de proximidade como de horário.

Um grande passo para diminuir cada vez mais o número de mortes e a pressão nos sistemas de saúde devido a esta infecção viral, seria a possibilidade de os Farmacêuticos, especialistas do medicamento e da terapia farmacoterapêutica, poderem prescrever e dispensar a vacina da gripe, agilizando o processo de vacinação e poupando tempo preciso aos Médicos, especialmente os de família, permitindo que os mesmos possam dedicar-se mais a fundo aos utentes que deles verdadeiramente necessitam em vez de estarem condicionados a consultas relâmpago de dez a quinze minutos.

Infelizmente Portugal continua a ser um país de egos, onde muitos profissionais preferem perder mais tempo a lutar entre si do que a unir esforços em prol do utente e da saúde pública, esquecendo-se que caminho para uma saúde de qualidade nunca será o da rivalidade mas sim o da cooperação!

 

22.07.20

Cumprir Um Dever


ó menina

A última obra de Banksy, conhecido artista de rua britânico, um mural a encorajar o uso de máscara deixado numa carruagem do metropolitano de Londres foi apagada.
Cumprindo a política anti-graffiti da empresa os funcionários do metro de Londres apagaram os stencils assinados pelo artista.
Cumpriu-se o objectivo da arte urbana que se distingue do vandalismo e das manifestações institucionais e cumpriu-se o dever dos funcionários que devem ter dito cobras e lagartos do autor quando se depararam com aqueles ratinhos todos a brincar com máscaras  cirúrgicas e pensaram no trabalho que teriam para os limpar numa altura em que a quantidade de procedimentos a executar na sua jornada de trabalho triplicou apesar do salário ser o mesmo.
E, tudo bem! Às vezes as coisas são só o que são. Eis-me aqui a cumprir o dever de semanalmente partilhar convosco algo que possa despertar nem que seja um leve esgar ou levantar de sobrancelha.
Prometo que para a semana me organizo com mais tempo (aposto que os que ainda não tinham sentido aquilo da sobrancelha, sentiram agora, apesar de ainda estarem a exercitar o rosto para perceber o que é um esgar. Cumprido!)

Até lá!

banksy3new.jpg

Imagem via Banksy 

Ó Menina

 

 

 

21.07.20

Rapsódia Portuguesa...


Robinson Kanes

manuel henrique pinto o almoço.jpg

Manuel Henrique Pinto - "O Almoço" (Museu José Malhoa)

Imagem: Robinson Kanes

 

Os eleitores comuns começam a sentir que os mecanismos democráticos só não os capacitam.O ruído à volta está a mudar e não conseguem perceber nem compreender porquê. O poder está a fugir-lhes das mãos e ainda não sabem para onde é que se transferiu.

Yoval Noah Harari, in "Homo Deus".

 

As últimas semanas têm sido, em particular para Portugal, de uma riqueza invulgar... Estamos a desenvolver estratégias para melhorar a estrutura económica e social do país para os próximos 10 anos! Não... Nada  disso...

 

Na verdade, descobrimos que em Portugal não existem apenas cidadãos de primeira e de segunda, nomeadamente a função pública e os outros. Também existem os acediosos, mas esses são uma classe especial e que tem também estatuto especial de elevada sobrevivência e multiplicação. No entanto, existem outros membros da nossa sociedade que nos deviam encher de orgulho e levar-nos a fazer corações com as mãos e dizer obrigado. Se a isso juntarmos os interesses da nação, temos um pot-pourri genial, vejamos:

 

O adepto da bola: ser adepto de futebol é um estatuto único no país, além de podermos furar normalmente todas as leis, podemos também festejar conquistas na rua sem que a Polícia possa fazer o que  quer que seja, aliás, em alguns casos, perante a proibição dos festejos, as forças da autoridade são levadas a bloquear a estrada para que ninguém incomode quem se dedica a celebrar. O indivíduo que tem uma esplanada, muitas vezes vazia, arrisca a ter a Polícia em cima se não fechar às 20h:00m para que o vírus não se espalhe. A melhor de todas, e permitam-me a abordagem mais ao estilo taberneiro, é de que temos presidentes de câmara que dizem não saber como controlar estes indivíduos e até mostram tremenda complacência com os mesmos... São os mesmos presidentes em exercício que surgem nas listas de candidatos a órgãos de determinados clubes desportivos. Para o futuro, sugiro uma tese: "Como gerir a segurança nas ruas do concelho: um estudo de caso".

 

O motard: ser motard também é uma outra classe... Não basta que algumas câmaras municipais cedam espaço público de forma não onerosa a clubes motards, dada a sua "importância" para as respectivas concelhias, como ainda a Polícia e demais autoridades, são, mais uma vez, desrespeitadas e enxovalhadas porque uma concentração motard em Faro tem de se fazer - mesmo que a Polícia bloqueie uma estrada e os cívicos participantes de um desfile proibido sigam o seu caminho e até surjam nas televisões como heróis. Se juntamos a isto os heróis dos concertos no campo pequeno, dos comícios, das manifestações, dos mergulhos na praia para povo ver e mais um sem número de bons exemplos, podemos estar tranquilos...

 

Orgias milionárias são contra todas as recomendações da Direcção Geral de Saúde! No país onde a pedófilia é só uma asneira, qual o espanto? 

 

Uma moda para o futuro vai ser também encontrar o agente  principal ou o cabo que tenha um nome qualquer similar a Floyd e se faça deste um herói: afinal, agredir polícias que optam por fazer cumprir a lei, nomeadamente as emanações de combate ao coronavírus, parece estar a ser um padrão bastante comum. "Police lives matter", não esquecer, que em breve vai ser um slogan.

 

Outra das modas que parece estar a pegar é a das das sondagens de popularidade de Dupond & Dupont. Quando a coisa aperta (vírus, desastres económicos, incêndios...) lá encontramos um primeiro-ministro e um presidente da república sempre em altas. ´"reelections matter", não esquecer também. Não acredito em sondagens feitas à medida, mas " que las hay, las hay".

 

Algo que já é moda, é também o contínuo incómodo e até um certo "desaparecer do mapa" por parte de um indivíduo, que é só o mais alto magistrado da nação, quando o tema BES volta ao estrelato. Ai Angra dos Reis... Já lá estive, e tem a sua beleza, entendo porque é que... Quando os temas são complexos, o silêncio é o melhor amigo.

 

E com o país a passar todas estas dificuldades sociais e económicas, vamos marcando mais uma vez a nossa posição de pedintes na União Europeia - já começo a perceber porque é que as mais altas figuras do Estado adoram ser fotografadas a dar comida aos pobrezinhos de fato e gravata. É que depois de encherem o estômago dos pedintes e controlarem a ira dos mesmos, é preciso ir mendigar de fato para outras paragens. Posso dizer vergonha?

 

Também acabámos de perceber que em Portugal, António Costa e Marcelo Rebelo de Sousa, a troco de esmolinhas europeias, varrem a Democracia, o Estado de Direito e os Direitos Humanos para debaixo do tapete. O segundo não espanta, o eterno candidato a "Presidente do Conselho" e ambicioso pseudo-sucessor de Marcello Caetano, já o primeiro, espanta mais... Mas a sede de popularidade é tanta e as bocas são tantas para alimentar na pesadíssima máquina do Estado que vale tudo! Que se lixem a Democracia e o Estado de Direito! Venha mas é depressa o dinheiro dos outros! E os maus são os Holandeses e os nórdicos, gente maldita! Portugal sim, esse país sempre diplomático e defensor da Liberdade... Até faltar o bago...

 

Também ficámos a perceber, mais uma vez, que no país das "borlas", o resultado do serviço prestado nunca é bom. Pagar pouco ou não pagar, normalmente corre mal. Contrata-se a  título pro bono (como se em política um pagamento seja só remuneração) e descobrimos que temos um tratado filosófico ou um trabalho da cadeira de economia de um aluno do primeiro ano da faculdade. Brilhante, uma mão cheia de lugares-comuns, verdades mais que sublinhadas e uma  total ausência de estratégia e planeamento. Brilhante!

 

Finalmente, e porque até já o IEFP paga a prestações os subsídios alegando já há muita gente a viver do dinheiro da segurança social, por motivos óbvios, sobretudo nos últimos tempos (foi-me transmitido por um conhecido, não consigo garantir total veracidade dos factos e posso estar errado) fico a saber que o mais importante no meio de tudo isto não é a estratégia de futuro para a economia, para as pessoas e consequentemente para o país, mas sim a contratação de um treinador de futebol e de vedetas de televisão! O país está em chamas? Morrem bombeiros, arde tudo porque, mais uma vez, nada é feito e os irresponsáveis e incompetentes pululam pela protecção civil, bombeiros e política? "Doa a quem doer", alguém não se cansa de vociferar...

 

Importa pouco,  o relevante é: vedetas da bola e da televisão! Estranhamente, dois sectores que recebem dinheiro do Estado (e aqui é que é grave, pois não tendo apoios públicos cada um que gaste o dinheiro como quiser) e gastam milhões em coisas que ninguém percebe, no mínimo é pornográfico. Ser pedinte e viajar de jacto privado ou pagar milhões por "x" ou  "y" é coisa de pobre...

 

Temos um canil a arder, e por lacunas na lei, é vedada a prestação de auxílio enquanto se dá uma bela churrascada de cães e gatos. Perfeito!

 

E porque já estranhava a ausência de falatório em torno dos incêndios (este ano, apesar de tudo mais comedido porque a bola e a televisão é que estão a dar).. Já alguém reparou que passou o boom da temática da COVID-19 e de repente os incêndios apareceram... Parecem uma espécie de José Figueiras ou Ana Marques, ou até de Jorge Gabriel e Sónia Araújo... Quando estão todos de férias, não há tempo e as audiências são fracas, vai-se ao armário e recolhem-se meia-dúzia de fracos profissionais colocados nas prateleiras das televisões. Em relação a furos jornalísticos nas televisões e não só, os incêndios são óptimos para isso. Uma nota a este propósito: continuam a  morrer profissionais por incompetência dos dinossauros que os comandam!

 

Se isto não é de nos encher de orgulho! Eu sugiro que façamos todos uma análise deste género e a enviemos ao "holandês"  com uma nota a dizer: "por favor, uma esmolinha". Sempre podemos pedir ajuda a um indivíduo de nome Mário Centeno que, cansado de ser Ministro das Finanças e com medo de ser enxovalhado pelos pares europeus que já não o suportavam, decidiu ir para algo mais tranquilo e relaxante, o Banco de Portugal - de facto, tendo em conta as regalias que esta instituição permite, não tenho dúvidas que é o melhor resort, mesmo que a Assembleia da República esteja contra e os tribunais se julguem incompetentes para resolver eventuais providências cautelares. 

 

Continuação de boa semana, especialmente para os activistas da moda, intolerantes travestidos de tolerantes mas com uma veia comodista... até porque, ouvi dizer, que o Arrentela vai contratar um novo avançado e a Rádio Botaréu acabou de confirmar um novo locutor para o programa "avózinhas do trance".