Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

sardinhaSemlata

Um espaço de pensamento livre.

sardinhaSemlata

Um espaço de pensamento livre.

26.09.22

Masha Amini: Até Quando Irão?


Filipe Vaz Correia

        No dia 13 de Setembro Masha Amini era detida no Irão, pela Polícia da Moral, por não usar devidamente o seu Hijab... No dia 17 tinha entrado em coma e morria devido a várias fracturas cranianas resultantes dos "correctivos" dados pelos criminosos representantes de Alá. Mulheres e Homens saíram às ruas de várias cidades Iranianas gritando morte ao ditador, o líder supremo Ali Khamenei, num gesto de bravura sem tamanho num país regido por uma férrea ditadura religiosa. E (...)
19.09.22

Versos Soltos…


Filipe Vaz Correia

    Pintura pendurada na parede; Na outrora parede despida; Ousadamente desnudada, Desnudando esquecida, A mágoa recordada, Na recordada ferida, Que fere despudorada, Despudoradamente vivida, Nessa vida descompassada, Descompassadamente sentida, Sentindo a amargurada, Despedida...   Um breve suspiro; Por entre um verso; Um breve suspiro, Sem fim.    
13.09.22

Culpar os outros torna-nos menos culpados?


marta-omeucanto

  No outro dia, uma pessoa que conheço foi bloqueada numa rede social, após ter feito um comentário, num vídeo em que um humano agredia um animal, por incitar à violência. Não contente com o seu bloqueio temporário, que considerou injusto, denunciou o vídeo. E foi mais longe: começou a procurar outras publicações, e outros comentários, para denunciar. A ideia era um pouco ao género "se me bloqueiam a mim, porque é que os outros não são bloqueados também?".   Mas, (...)
12.09.22

Isabel II: O Adeus De Uma Rainha…


Filipe Vaz Correia

        Morreu a Rainha Isabel II... A notícia ecoou sobre o mundo num devastador epílogo de uma vida preenchida e magnífica. Isabel II foi uma figura que sempre admirei, sempre absorvi em cada gesto seu o exemplo, o espírito de missão com que norteou a sua vida. A exemplar forma como liderou o seu povo dignificou o seu País e de certa forma chegou a todo o mundo. Observar as palavras de Justin Trudeau após o anúncio de sua morte, dão uma noção aproximada de como Isabel II (...)