Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

sardinhaSemlata

Um espaço de pensamento livre.

sardinhaSemlata

Um espaço de pensamento livre.

17.03.22

Bordello. Ao que isto chegou: uma retrospetiva de Hugo van der Ding


The Travellight World

Rir, dizem os sábios, é o melhor remédio e não há dúvida que é uma das coisas que mais ajuda a manter saudável a nossa saúde mental, principalmente em momentos de tristeza como este que o mundo está a atravessar. Por isso hoje trago-vos uma sugestão cultural divertida — uma visita à exposição Bordello. Ao que isto chegou: uma retrospetiva, de Hugo van der Ding.

fullsizeoutput_64abFotos: Travellight | Exposição Bordello. Ao que isto chegou: uma retrospetiva, de Hugo van der Ding.

Hugo van der Ding, um dos autores mais divertidos da atualidade, ganhou fama com os cartoons de A Criada Malcriada, partilhados nas redes sociais, e com a criação de outras personagens de banda desenhada. Hoje é também conhecido como locutor de rádio e uma das vozes das Manhãs da 3, na Antena 3.

Na exposição, realizada em parceria com o estúdio de impressão e design Lavandaria, encontramos um conjunto de desenhos originais, prints em serigrafia, cerâmicas, artigos que (supostamente) marcaram a infância e a vida do autor, e até uma escultura de papel da sua autoria, que representa a fábula da raposa e da cegonha readaptada a partir da famosa obra em cerâmica de Bordalo Pinheiro. Esta é uma “espécie de brincadeira com o imaginário humorístico” de Bordalo, o autor do Zé Povinho e um dos heróis pessoais de Hugo van der Ding.

fullsizeoutput_64adfullsizeoutput_64aefullsizeoutput_64affullsizeoutput_64b7Collage_Fotorfullsizeoutput_64b6

É uma mostra pequena, mas muito alegre e bem disposta. Eu confesso que dei umas boas gargalhadas a percorrer a Sala da Paródia do Museu Bordalo Pinheiro onde, muito apropriadamente, está patente esta exposição.

O preço da entrada (3,00€) inclui também a visita ao Museu, por isso é um excelente “dois em um” — Podem visitar o auto-proclamado “museu mais divertido de Lisboa” e depois passar na Sala da Paródia para rir mais um pouco com as obras de Hugo van der Ding.

fullsizeoutput_64ac

Garanto que vão sair de lá mais bem dispostos do que quando chegaram :-)

 

Museu Bordalo Pinheiro - Campo Grande, 382, Lisboa

Até 15 de Maio

 

2 comentários

Comentar post