Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

sardinhaSemlata

Um espaço de pensamento livre.

sardinhaSemlata

Um espaço de pensamento livre.

24.07.23

Eleições Espanholas: PP, Uma Vitória De Pirro…


Filipe Vaz Correia



 

FC22F24A-9843-4983-89B0-2D0A785C7F61.jpeg

 

As eleições Espanholas que se realizaram neste Domingo trouxeram um impasse mas também algumas outras reflexões...

O impasse torna-se evidente pela expressão da vitória do PP que se torna de pirro pela perspectiva da coligação do PSOE com alguns pequenos partidos e do Sumar que lhes pode granjear uma nova maioria de deputados.

O que podemos tirar daqui?

Em primeiro lugar, notar a derrota estrondosa do VOX, o discurso ressentido e ressabiado de Abascal com o "nosso" Ventura escondido entre a multidão para que não se apercebam das semelhanças no populismo político.

Depois referir que a estratégia do PP estava quase certa, afastar o VOX e tentar trazer o centro para se juntar aos conservadores num bloco eleitoral vencedor.

Infelizmente, como sempre o escrevi, partidos de extrema-direita servem essencialmente para garantir a durabilidade de frentes de esquerda na gestão de um País, sendo claro que o ódio semeado em seus discursos, a homofobia, a misoginia e o racismo presente em cada parte de sua ideologia afastam, felizmente, uma grande fatia das populações.

Notar ainda o desaparecimento do Podemos, radicais de esquerda, assentes no populismo bacoco que tantas vezes vemos transmutado em  solidariedade, e que se vêem reduzidos a uma insignificância salutar.

Creio que Sánchez voltará a formar governo com uma coligação semelhante àquela que anteriormente liderava, porém um PP mais forte, vencedor das eleições, poderá caminhar a passos largos para a tomada de poder...

É essencial demonstrar  às pessoas que votar em partidos como o VOX afasta, desmobiliza e que cada vez mais importa resgatar para a direita moderados, liberais e centristas que jamais se poderão encontrar sentados com os populistas de extrema-direita.

Que o PSD e a direita Portuguesa possam tirar daqui as suas ilações...

Como votante de centro direita, há muito que reflecti sobre este cenário.

 

 

Filipe Vaz Correia

 

 

 

 

 

 

 

 

4 comentários

Comentar post