Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

sardinhaSemlata

Um espaço de pensamento livre.

sardinhaSemlata

Um espaço de pensamento livre.

02.02.23

Ruínas


The Travellight World

Foto: Travellight | Alcobaça, Portugal Ruínas Cobrem plantas sem flor crestados muros; Range a porta anciã; o chão de pedra Gemer parece aos pés do inquieto vate. Ruína é tudo: a casa, a escada, o horto, Sítios caros da infância. Austera moça Junto ao velho portão o vate aguarda; Pendem-lhe as tranças soltas Por sobre as roxas vestes. Risos não tem, e em seu magoado gesto Transluz não sei que dor oculta aos olhos; — Dor que à face não vem, — medrosa e casta, Íntima e (...)
19.01.23

Ilha do Príncipe


The Travellight World

Foto: Travellight | Ilha do Príncipe Ilha do Príncipe «Suave, doce, lânguida ilha De transparências súbitas»   A ilha do príncipe que o Ruy Cinatti amou Surgia devagar E ele debruçado na amurada do navio A viu emergir dos longes da distância No lento aproximar Flor que desabrocha à flor do mar Entre alísios vidros e neblinas Na salgada respiração da vastidão marinha Na transparência súbita   Eu cheguei mais tarde no ronco do avião Na bruta rapidez Porém também eu me (...)
29.12.22

Manhã de Inverno


The Travellight World

  Coroada de névoas, surge a aurora Por detrás das montanhas do oriente; Vê-se um resto de sono e de preguiça, Nos olhos da fantástica indolente.   Névoas enchem de um lado e de outro os morros Tristes como sinceras sepulturas, Essas que têm por simples ornamento Puras capelas, lágrimas mais puras.   A custo rompe o sol; a custo invade O espaço todo branco; e a luz brilhante Fulge através do espesso nevoeiro, Como através de um véu fulge o diamante.   Vento frio, mas (...)
08.12.22

Gaivota


The Travellight World

Foto: Travellight | Murano, Itália   Gaivota que se preza tem de sentir as estrelas, analisar paraísos, conquistar múltiplos espaços. Gaivota que se preza precisa buscar perfeição. Importante é olhar de frente, em uma, em dez, cem mil vidas. — Fernão Capelo Gaivota, Richard Bach —