Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

sardinhaSemlata

Um espaço de pensamento livre.

sardinhaSemlata

Um espaço de pensamento livre.

06.04.20

Um Cardume De Sardinhas A Navegar Sapo Adentro


Filipe Vaz Correia

 

Ora aqui vai...

O primeiro post do Sardinhas Em Lata.

Há muito que desejava poder juntar no mesmo projecto pessoas que gosto, respeito e aprendi a admirar, seja pela força da sua escrita, pela determinação da opinião, pelo humor irreverente ou pela simples vontade de partilhar.

Nestes tempos de medos e receios nada melhor do que avançar, destemidamente juntar esforços e criar, nadar mar adentro, em busca de novos mundos, novas vivências, novos sonhos por percorrer.

O Sardinhas Em Lata nasceu assim, desse entrelaçado querer de um conjunto de pessoas que resolveram dizer sim, de olhos postos no futuro.

O Mundo Sapo deu-me imenso, essa ligação com pessoas que jamais conhecera, trocando sentimentos, palavras e emoções com outros que simplesmente através da força de suas ideias me acabariam por tocar.

O Triptofano, a Sarin, o Robinson Kanes e o Jaime Bessa embarcaram comigo nesta desmedida aventura, tão azul como o mais cristalino dos mares, tão imenso como este espaço que nos acolhe e serve de abrigo.

O que esta Sardinha irá ter para oferecer serão opiniões e trocadilhos, risos e algumas lágrimas, livres e sinceras trocas de ideias onde todos, mas mesmo todos, estarão convidados a entrar...

Sem medo de nadar, por entre, este cardume de cinco Sardinhas, disponíveis para abraçar todo um Sapo cheio de vida.

E assim, soletradamente, zarpamos cheios de energia, capazes de mergulhar por todos os temas.

Quanto a mim...

Até Segunda-feira, se Deus quiser.

Até lá não irão faltar "sardinhadas" para ler.

 

 

Filipe Vaz Correia

 

 

 

 

35 comentários

Comentar post

Pág. 1/2