Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

sardinhaSemlata

Um espaço de pensamento livre.

sardinhaSemlata

Um espaço de pensamento livre.

23.07.20

Vacinação contra a Gripe na Farmácia: Uma questão de Saúde Pública


Triptofano!

A gripe é uma das principais causas para um número excessivo de mortes na época do Inverno e para um aumento do número de admissões hospitalares, levando a um grande impacto económico tanto directo (custos no tratamento da doença) como indirecto (custos relacionados com o absentismo laboral).

Por isso, a vacinação contra a gripe é uma questão de Saúde Pública, sendo cada vez mais importante atingir o maior número de pessoas possíveis, especialmente aquelas que por diversos factores encontram-se mais fragilizados.

Se tradicionalmente Médicos e Enfermeiros eram os Profissionais de Saúde responsáveis pela vacinação da população, a possibilidade de os Farmacêuticos - mediante formação específica para tal - poderem prestar esse serviço nas farmácias veio ajudar a atingir os targets anuais de imunização.

Isto deve-se ao facto de existir uma rede de farmácias espalhada por todo o país com profissionais altamente qualificados - os Farmacêuticos - permitindo um acesso mais facilitado aos Cuidados de Saúde, tanto em termos de proximidade como de horário.

Um grande passo para diminuir cada vez mais o número de mortes e a pressão nos sistemas de saúde devido a esta infecção viral, seria a possibilidade de os Farmacêuticos, especialistas do medicamento e da terapia farmacoterapêutica, poderem prescrever e dispensar a vacina da gripe, agilizando o processo de vacinação e poupando tempo preciso aos Médicos, especialmente os de família, permitindo que os mesmos possam dedicar-se mais a fundo aos utentes que deles verdadeiramente necessitam em vez de estarem condicionados a consultas relâmpago de dez a quinze minutos.

Infelizmente Portugal continua a ser um país de egos, onde muitos profissionais preferem perder mais tempo a lutar entre si do que a unir esforços em prol do utente e da saúde pública, esquecendo-se que caminho para uma saúde de qualidade nunca será o da rivalidade mas sim o da cooperação!

 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.